Aprenda sobre acústica no Manual Acústica Básica

Foi lançado o Manual ProAcústica de Acústica Básica que apresenta, em linguagem simples, os fundamentos básicos de acústica em edificações, com o propósito de facilitar o diálogo entre consultores, projetistas, arquitetos e clientes.

Outro objetivo também é ampliar o conhecimento de normas acústicas e tirar dúvidas sobre conceitos básicos e terminologias de condicionamento e isolamento acústico, um exemplo são os requisitos relacionados ao tema da norma ABNT NBR 15575, que ainda gera muitas dúvidas entre profissionais do setor da construção civil.

“Se todos que constroem conhecessem o conteúdo do manual, as obras brasileiras estariam em outro patamar”
– disse Dionyzio Antonio Martins Klavdianos, presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal (Sinduscon-DF) e vice-presidente da Comat/CBIC.

A Atenua Som patrocina a realização da publicação em conjunto com entidades parceiras, colaboradores e as empresas associadas entre elas Armstrong, Aubicon, Isover Saint Gobain, OWA Sonex Brasil e Placo Saint Gobain.

Fechando as atividades de 2019, a ProAcústica oferece gratuitamente 9 manuais técnicos sobre acústica e seus conceitos básicos.

Para download acesse o site da ProAcústica.
Com um cadastro rápido, é possível fazer o download gratuito de todos os manuais técnicos elaborados pela ProAcústica até hoje.

São 6 publicações:

 


Manual sobre a Norma de Desempenho

Manual de Recomendações para Contrapisos Flutuantes

Manual para Classe de Ruído das Edificações Habitacionais

 


Manual para Qualidade
Acústica em Escolas

Manual para Qualidade
Acústica de Auditórios

Manual de Acústica Básica

 

Acessório em desenvolvimento pode te livrar do ronco de seu companheiro

Janelas antirruído, sistema de isolamento acústico… existem diversas formas extremamente eficientes para se livrar do barulho externo. Mas e quando o incômodo vem do ambiente interno, como do outro lado da cama, por exemplo? Isso pode estar perto de ter uma solução.

Chamado de “QuietOnSleep”, um acessório criado por ex-funcionários da Nokia conseguiu levantar fundos para seu desenvolvimento e está muito perto de chegar ao mercado. Trata-se de um dispositivo com aparência semelhante a um fone de ouvido intra-auricular. Ativado, um microfone interno capta o som para um componente eletrônico, que faz a análise do ruído e impede a transmissão para o sistema auditivo do usuário. Seu foco são os ruídos de baixa frequência, até 500 Hz, que não são bloqueados por abafadores convencionais.

A previsão é de que o acessório custe US$149, podendo ser importado no Brasil a partir de outubro deste ano. Vale frisar, no entanto, que ele não possui cabeamento ou bluetooth, o que significa que não poderá ser utilizado para reproduzir música ou qualquer outro arquivo de áudio.

Fonte: Techtudo

NASA planeja avião supersônico que não faz barulho

Imagine viajar a uma velocidade superior a 2 mil km/h: acredite, isso já foi possível. Na segunda metade do século XX, os céus foram tomados pelo Concorde, um avião supersônico de passageiros. Construído em parceria por ingleses e franceses, era operado pelas companhias British Airways e Air France e foi utilizado de 1969 a 2003. Era 2,04 vezes mais rápido que o som, atingindo uma velocidade de 2.179 km/h (um Boeing atual, por exemplo, voa a no máximo 912 km/h). Isso significava ir de Paris a Nova Iorque em cerca de três horas, cinco a menos do que um voo direto convencional.

Apesar de tão impressionante, o Concorde acabou caindo em ostracismo, especialmente pelo seu alto custo operacional e baixa capacidade de assentos, mas o sonho de um avião de passageiros supersônico não morreu com ele. Por isso, a NASA firmou em abril um acordo milionário com a Lockheed Martin para criar a sua versão e vai aproveitar para resolver um problema do antigo Concorde: o barulho.

Esse inconveniente era tamanho que inicialmente fez com que o Concorde fosse proibido de entrar no espaço aéreo dos EUA. Posteriormente, mesmo após a liberação para pousar no país, foi impedido de sobrevoar continentes. No caso do supersônico da NASA, porém, o fato de ser silencioso o permitiria voar sobre áreas civis.

O projeto é chamado de X-plane e consiste numa aeronave do tamanho de um jato comercial, com capacidade de voar a 1,6 mil km/h, e está previsto para ser colocado em condições de testes a partir de 2022. O barulho? Não deverá ser mais alto do que a porta do seu carro sendo fechada.

 

Fontes:

https://tecnologia.uol.com.br/noticias/redacao/2018/05/12/nasa-quer-criar-aviao-supersonico-silencioso-que-possa-voar-sobre-cidades.htm

https://super.abril.com.br/tecnologia/supersonico-comercial/

https://www.vix.com/pt/bbr/ciencia/3988/6-fatos-sobre-o-aviao-supersonico-concorde-e-sua-incrivel-velocidade

Conheça o novo aplicativo da Atenua Som: Sonômetro

ATENUASOM_LO2_POSTBLOG

Com o intuito de ajudar na compreensão de quem pouco entende sobre os níveis de decibels que ecoam pelo espaço, desenvolvemos um aplicativo para medir os ruídos dos ambientes!

Nosso Sonômetro capta os sons pelo microfone do aparelho celular, exibindo na tela os valores em decibels, e dispõe de comparações com outros sons de mesma intensidade, para que o usuário tenha uma referência do nível de ruído captado. Por exemplo, muitas pessoas não sabem se 50dB é um valor alto ou baixo, no aplicativo aparece que 50dB é equivalente ao som de uma chuva moderada ou a um escritório silencioso.

Há uma breve instrução de como medir ruídos em ambientes internos e externos, para garantir que o usuário meça o som sem interferências do ambiente. Por exemplo, é necessário se afastar da fonte de ruído e de paredes e móveis próximos, pois estes podem causar a reflexão do som, alterando o nível de ruído captado.

Apesar de todas as funcionalidades incríveis, é preciso se atentar que o app é apenas um simulador de medições, pois depende diretamente da fidelidade que a captação do microfone será capaz de absorver. Se o aparelho for muito simples, provavelmente seu microfone não será tão fiel como um aparelho mais sofisticado. Além disso, é comum os aparelhos celulares serem configurados para captação da voz humana, portanto sons acima de 90dB podem não ser detectados.

O consumidor pode descobrir se o nível de ruído no local é o permitido pela lei, conferindo na tabela disponível no aplicativo os valores considerados aceitáveis pela norma vigente no Brasil, a “NBR 10.151 – Avaliação do ruído em áreas habitadas, visando o conforto da comunidade”, da ABNT. Dessa forma é possível saber se o ruído captado está dentro do limite permitido para aquele local.

O aplicativo está disponível para Android e iOS. Estão ainda previstas mais novidades, como atualizações do gráfico que exibirá a linha do tempo de captação de ruído e a calibração do microfone.

Baixe gratuitamente no seu celular e comece a usar!

iOS: http://apple.co/2u6luhA

Android: http://bit.ly/2vR9YZy

ATENUA_L01_MONTAGEM

VidroSom debate novas soluções acústicas em vidro em Curitiba

vidrosom-debate-novas-solucoes-acusticas-em-vidro-em-curitiba-no-dia-15bbaa07-vidrosomSistemas inovadores e cases serão apresentados durante o evento.

A 10ª edição do VidroSom (Seminário de Soluções Acústicas em Vidro) acontece no próximo dia 15 de setembro no Expo Unimed, em Curitiba (PR), durante a realização do IX Saie Vetro –  Salão Itinerante de Esquadrias e Vidros. Na ocasião, especialistas do setor irão apresentar inovações tecnológicas e debater estudos de casos do setor acústico com a plateia formada por arquitetos, consultores, profissionais e estudantes. Esta é a segunda vez que o evento é levado para a capital paranaense. Em 2012, o evento aconteceu na sede do Sinduscon/PR. Também já passou pelas cidades do Rio, Salvador, Porto Alegre e São Paulo. O evento, mais uma vez, tem caráter social: a renda obtida com as inscrições será revertida para duas entidades, uma de São Paulo e outra de Curitiba.

Palestrantes convidados para o evento: o engenheiro Fernando Westphal, professor do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que vai abordar os benefícios da utilização de vidros de controle solar em fachadas; Remy Dufrayer, gerente de Desenvolvimento de Mercado da CEBRACE, que irá destacar o papel do vidro e da esquadria no conforto acústico; a engenheira Michele Gleice da Silva, diretora técnica do ITEC – Instituto Tecnológico da Construção Civil -, sobre as normas técnicas brasileiras da ABNT e o desempenho das esquadrias.

O empresário Edison Claro de Moraes, presidente da Universidade do Som, da Pro Acústica e vice-presidente da AFEAL, criador do evento, vai apresentar diversos cases de soluções acústicas; e José Guilherme Aceto, diretor geral da Avec Design, as novas tendências e tecnologias desenvolvidas para o envidraçamentos que contribuem para melhorar a qualidade de vida das pessoas.

vidrosom-curitiba-2017

As inscrições já estão abertas e custam R$ 80,00 para associados da AFEAL, ITEC e Pro Acústica e R$ 120,00 para não associados. O dinheiro arrecadado com as inscrições será doado à Nova 4E – Entidade beneficente que atende 150 pessoas com DI (Deficiência Intelectual), de São Paulo; e para outra entidade de Curitiba, a ser definida. Também está previsto a realização de um Concurso de Desenhos com o objetivo de despertar em crianças de 7 a 12 anos, da rede estadual de ensino das duas cidades, a conscientização sobre os graves problemas provocados pela poluição sonora nas grandes cidades do País.

O VidroSom é uma realização da Universidade do Som. Conta com o patrocínio da CEBRACE e apoio institucional da IX Saie Vetro, da AVEC, AFEAL, e ITEC, com organização da Ópera Marketing.

 

Serviço

Evento:          10º VidroSom (Soluções Acústicas em Vidro)
Data:              15 de Setembro de 2017
Horário:         10 às 14 horas
Local:             Expo Unimed Curitiba
Endereço:     Rua Professor Pedro Viriato P. Souza, 5.300

Fonte: www.vidrosom.com.br

A ArkDek começa uma revolução no mercado de design de interiores

atenua-som-arkdek-projeto

O objetivo de um projeto de interiores é atender às necessidades humanas. Os profissionais estudam como a pessoa interage com o ambiente e quais são os requisitos de espaço, temperatura, iluminação, acústica, entre outros aspectos. Além de especificar os melhores produtos para aquele local.

Outra necessidade é a comodidade, que ganhou muito com o mundo digital. Hoje em dia, fazer negócios nesta mídia é uma tendência que beneficia a todos. Por isso, o ArkDek oferece uma plataforma 100% online que reúne diversos profissionais do mercado de arquitetura e design de interiores.

arkdek-logo

“O mundo está migrando para a era dos serviços digitais e sentíamos que tanto os arquitetos como as pessoas que farão reformas poderiam se beneficiar de um canal onde se encontrassem de maneira mais rápida, obtendo melhores resultados para todos.” – Afirma Ivan Cassola, um dos fundadores.

Idealizada por Fernanda Castilho, Ivan Cassola e Rafael Haiashida, arquitetos e colegas de faculdade, a plataforma funciona assim: se você precisa de uma planta com ficha técnica para reformar sua residência, basta seguir alguns simples passos e você pode receber o projeto ou o estudo da obra sem precisar sair da sua casa. É totalmente digital. A diferença entre os planos é a proximidade com o arquiteto, como a possibilidade de uma reunião via Skype e a de revisar o projeto junto do profissional.

Ao escolher o pacote que melhor satisfaz suas necessidades, você passa por cinco etapas:
1. ESCOLHA SEU ARQUITETO – Você tem acesso ao portfólio e informação sobre os associados do ArkDek, para escolher os profissionais que combinam com você.
2. ORÇAMENTO E COMPRA – Você escolhe os ambientes que gostaria de reformar, pode enviar fotos e referências e escolhe o melhor pacote para você.
3. FALE MAIS SOBRE VOCÊ – Quanto mais informações você der, melhor o profissional consegue realizar o estudo e personalizar para deixá-lo com a sua cara.
4. RECEBA OS ESTUDOS – Dependendo do seu orçamento, você pode revisar o estudo junto com o arquiteto.
5. RECEBA O PROJETO – O projeto pronto conta com informações técnicas detalhadas, para que não você não perca tempo e nem dinheiro quando a obra começar. Ele servirá como guia para os outros profissionais que realizarão a reforma. Você não terá dor de cabeça com cada detalhe técnico.

São inovações assim que fazem o mundo evoluir. Aproveitar as tecnologias atuais para encurtar a distância entre os profissionais e os clientes é mais do que uma tendência, é uma necessidade.
Confira você mesmo a plataforma, quem sabe você não aproveita para reformar aquela sala de estar.

www.arkdek.com.br

Portal Acústica e Atenua Som: parceria de conteúdo em acústica

A Atenua Som acaba de fechar uma parceria com o Portal Acústica, que tem como objetivo trazer informações relevantes sobre produtos, serviços, profissionais e novas tecnologias no mercado de acústica. Trata-se de um espaço colaborativo, com o foco em gerar e propagar ideias e soluções acústicas de qualidade.
Serão gerados e disponibilizados apostilas, vídeos, artigos e estudos de caso de fácil entendimento.

No portal http://portalacustica.info/ já é possível fazer o download gratuito de e-books sobre acústica e, a partir de abril, serão iniciados webinares gratuitos com especialistas em acústica, nos quais será possível interagir com perguntas sobre o tema escolhido.

O primeiro webinar será no dia 11 de abril e terá como tema a Arquitetura como Forma de Expressão Sonora. Será no formato talk show, com a participação da Arq. Débora Barretto, especialista em acústica nas construções e mestre em engenharia ambiental urbana na área de poluição sonora; e o MEng. Pablo Serrano, especialista em aeroacústica computacional e experimental e acústica de edificações.

O webinar abordará os assuntos:
• Acústica arquitetônica:
Quais as possibilidades para projetos nessa área?
• Principais tendências:
O que o mercado pode esperar para os próximos anos? Mudanças em normas e muito mais.
• Atualização constante:
De que forma estudantes e recém-formados podem se manter atualizados com as inovações do mercado? A universidade forma profissionais adaptados à essa nova realidade?

Faça sua inscrição em http://bit.ly/2mgCgXm e participe gratuitamente! É a sua oportunidade de dialogar e tirar dúvidas com profissionais referência em acústica!

Fique de olho também nos próximos webinares e acompanhe as novidades do portal. Vem muita coisa boa por aí!

Atenua Som marca presença na 3ª edição do Programa de Ensaios Interlaboratoriais

A Associação Brasileira Para a Qualidade Acústica (PróAcústica) realiza pela terceira vez o Programa de Ensaios Interlaboratoriais para Laboratório de Campo, que visa promover resultados seguros na medição de laboratórios e também a qualificação técnica de cada um.

Com adesão recorde, 19 empresas de todo o país devem realizar ensaios ao longo de três meses, período que dura o programa. Esse aumento comprova a preocupação dos laboratórios em melhorar a sua performance e também poder, dessa forma, avaliar seu trabalho e metodologia de maneira mais detalhada.

E como não poderia ser diferente, a Atenua Som, sempre preocupada em melhorar a qualidade de seus produtos e serviços, também estará presente no programa.

Os ensaios serão realizados em unidades residenciais de empreendimentos fornecidos pela EZTEC Empreendimentos e Participações, para que seja possível avaliar o controle de qualidade e melhoria no processo de medição de campo.

Ao final dos ensaios, a PróAcústica produzirá relatórios de caráter confidencial, onde as empresas receberão somente seus próprios resultados.

Perda de audição: Causas

A surdez é um problema que afeta inúmeras pessoas de forma total ou parcial todos os anos. Ela pode sim, ser um problema de nascença, mas também pode ser ocasionada pelo avançar da idade e hoje em dia, principalmente, por fatores externos.

A surdez de nascença não possui nenhuma explicação para sua causa, porém em alguns casos ela pode ser revertida. Ao realizar o “Teste da orelhinha”, é possível diagnosticar o problema de forma precoce e a partir disso, realizar um tratamento que seja compatível com as necessidades da criança.

Fatores genéticos também podem causar a perda de audição, assim como o avançar da idade. Afinal, as vias auditivas, compostas pelas chamadas orelhas externa, média e interna, também envelhecem, trazendo uma dificuldade maior de audição.

Mas, o que realmente vêm preocupando os médicos é a perda de audição ao manter-se em contato constante e por um longo espaço de tempo em locais com ruídos extremamente altos.

Pessoas que trabalham em obras, com máquinas que emitem ruídos de alta intensidade e até mesmo quem frequenta locais onde o som alto é constante, como baladas, correm esse risco.

Outro fator que faz parte da realidade de muitos é o uso constante de fones de ouvido. Seja no trabalho ou no transporte público, o acessório é visto com facilidade nos ouvidos das pessoas. Porém, o que é utilizado para desvencilhar os ruídos externos podem trazer grandes problemas.

O som alto vindo de fones pode prejudicar a audição de forma irreversível. Por isso, é importante utilizá-lo em um volume baixo, de forma que ainda seja possível ouvir as pessoas ao redor. Outra dica importante é dar uma pausa a cada uma hora com os fones, para descansar os ouvidos.

Sendo assim, é muito importante ter cautela e evitar ao máximo a exposição em locais que temos consciência de que nossa audição pode ser prejudicada. No caso de utilização de fones de ouvido, por exemplo, vale ficar atento em relação ao volume do aparelho, assim como em televisões e shows em geral. Poupar sua audição agora é uma excelente forma de evitar problemas no futuro!